Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

27/09/2010 a 01/10/2010

Semana parada e totalmente "morna" não fosse as paralisações na Europa. Cresceu novamente a preocupação e a Irlanda foi obrigada a colocar mais 47 bilhões de euros num banco local. A Espanha sofreu paralisação total e os confrontos foram fortes.

Do lado americano dois índices ruins e um índice bom. O índice bom foi o crescimento maior que esperado do PIB, mas do outro lado aumentou o número de pedidos de seguro desemprego e caiu o índice de confiança do consumidor.

Também o mercado ficou de lado pois Ben Bernanke disse que o crescimento americano está "morno" e " lento demais.

No Brasil a semana foi sem graça até nessa sexta-feira quando o Ibovespa resolveu tomar uma tendência de alta, passando dos 70 mil pontos. Com dólares sobrando o preço da moeda americana caiu para patamar mais baixo desde os últimos dois anos, para R$1,692.

Então agora está tudo bem? De forma alguma pode se dizer que o perigo passou. Na verdade o Ibovespa vai e volta entre 61 mil e 71 mil há quase 1 ano. Enquanto o desemprego americano não arrefecer de verdade, as bolsas vão continuar ao sabor das estatísticas.

O IMA-crash reflete essa morosidade da bovespa. Não sai do patamar perigoso de 0,80 há mais de um mês. Outubro chegou e agora vamos ver o que acontece nas bolsas. É o último trimestre do ano, e o que acontecer agora terá fortes reflexos no ano que vem.

IMA crash = 0,80

IMA entrada = 0,00

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

 

Na análise de 24/09/2010 foi dito:"...Um novo sinal de entrada apareceu, novamente repetindo o padrão que talvez na segunda-feira o Ibovespa ainda caia mais um pouco, mostrando à tarde um bom sinal de entrada. Novamente uma boa chance de lucro na semana que vem..".O sinal de entrada não vingou e o Ibovespa até caiu um pouquinho na segunda, mas matenve o mesmo patamar de sexta-feira passada. Isso mostrou que sexta-feira realmente foi o melhor dia de compra. E o lucro proclamado se concretizou na bovespa. Depois de ficar semana inteira subindo pela manhã e caindo a tarde para fechar em 0x0, o Ibovespa arrancou forte nessa sexta-feira.

O IMA-crash de 15 minutos estacionou entre 0,14 e 0,16 em três dias da semana, somente modificando nessa sexta-feira para uma subida que promete. Terminou a sexta-feira acima de 0,4, (gráfico acima) mostrando que o Ibovespa pode continuar a subir na segunda mas, novamente outra mudança para baixo vai ocorrer. Se o IMA-crash continuar com essa velocidade de crescimento, na segunda-feira a tarde poderemos ter realizações fortes. Mais provável na terça-feira. Agora não é hora de entrar para quem está de fora. Quem está dentro pode até arriscar a esperar mais alguns momentos e correr um "risco saudável" de ganhar um pouco mais. Mas qualquer notícia mais ríspida será seguida de forte realização.

E quem pode derrubar a bolsa? A VALE5, com boa chance. Na última semana escrevemos sobre ela:"... A VALE5 subiu bastante e seu IMA_crash atingiu 0,99 no fim de sexta-feira. O que se conclui que a Vale vai virar para baixo e muito forte na segunda-feira...". O IMA-crash da VALE5 continua acima de 0,95 mostrando que está acima do limite tolerável. Poderá ser ela a responsável pela virada da bovespa pois se mantém "heróicamente" sustentando a bovespa.

Quanto a PETR4, continua batendo em R$27,00 e voltando, e depois subindo para R$27,00. Terminou a semana acima de R$27,00 e ainda tem um pequeno espaço para subir um pouco mais, mas deve retornar para baixo até o meio da semana que vem. Seu IMA-crash de 15 minutos está em 0,65.

 

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Aumentou o PIB nos EUA acima do esperado

A China continua crescendo em vendas

Petrobrás arrecadou R$115 bilhões com capitalização

Dólar abaixo de R$1,70 pela primeira vez em 2 anos

Estoques de petróleo diminuíram nessa semana nos EUA

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

Aumento dos pedidos de seguro desemprego nos EUA

Índice de confiança nos EUA cai

Tensão aumenta na Europa

Moodys rebaixa Espanha

Irlanda teve que socorrer banco com mais de 40 bilhões de euros

PRÓXIMA SEMANA

 

dias observação 345

Eventos(sinais de alerta de crash)

33
Acertos 26 (78,8%)
Falsos Alarmes 07 (21,2%)
Queda média -2.143%
Queda máxima -6,6%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,83 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,4 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos