Ibovespa diário- Resultados - 1/3/2010 a 5/3/2010

A semana começou com pequenas baixas na segunda-feira devido aos mesmos problemas das semanas anteriores. A Grécia apresentou um plano que para a União Européia é razoável, mas internamente é um pesadelo. Até o anúncio do plano grego muitas especulações fizeram os mercados se agitarem e na segunda-feira à tarde o Ibovespa caiu um pouco, quase de lado, na faixa de 0,2%. Ficou de lado até quarta-feira de manhã, quando o anúncio do aperto fiscal e a satisfação da UE com a Grécia fez os mercados voltarem a subir forte. O Ibovespa manteve a alta na quinta-feira, com a especulação que as siderurgias estão precisando de minérios e devido a aprovação prévia do congresso, para uso do FGTS na compra de ações de recapitalização da Petrobrás.

Na sexta-feira saiu os dados de desemprego americano (que foram ruins) mas os analistas acharam muito bom, pois esperavam queda de 70 mil empregos e veio só (?!??) uma queda de 30 mil empregos. A taxa de desemprego em fevereiro continua em 9,7%, não se mexeu em relação a dezembro. Os otimistas acham que isso é muito bom, pois é sinal que as demissões pararam de aumentar.

O IMA não se mexeu nessa semana. Continua mantendo alerta de venda e de não permancer no mercado, para investidores de longo prazo. O valor ficou a semana toda em 0,77.

Bovespa intraday- Resultados - 1/3/2010 a 5/3/2010

Na figura acima são apresentados três gráficos onde aparece em linha contínua preta o índice Ibovespa, com dados tomados automaticamente a cada 15 minutos. A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

Só relembrando a última recomendação (26/02/2010) : "... no momento não há recomendação de venda forte, visto que o IMA-15 minutos está em zero (linha vermelha). Isso é sinal que não teremos viradas fortes para baixo para segunda-feira. Quanto a compra de ações na segunda de manhã, um lucro muito rápido de poucas horas pode ser obtido, mas o melhor momento já passou ( a linha em azul está diminuindo)...". E o mercado subiu forte, como o IMA de 15 minutos mostrou, ocorrendo quedas muito pequenas, com volatilidade fazendo o mercado andar de lado.

Tivemos momentos de compra, mas como alertado no último relatório, o melhor momento já tinha passado. Foi quando o Ibovespa bateu atingiu os 64.825 pontos com o IMA de entrada próximo a 0,8. Tendo comprado na semana passada e esperado o primeiro sinal de venda nessa semana na quarta-feira (68.712 pontos) como o IMA marcando 0,76 o rendimento seria de 5,99%.

Pode-se observar no gráfico dessa semana que ocorreram dois sinais de venda e nenhum de compra. No primeiro alerta de venda o Ibovespa caiu de 68.717 para 67.560 (queda de 1,7%) na quinta-feira de manhã. Novamente o Ibovespa subiu rápido e nesse fim de semana o IMA de 15 minutos terminou em 0,81. Na segunda-feira o Ibovespa deve virar para baixo novamente e forte. Segunda-feira é dia de ficar assistindo o mercado, que pode subir pelo impulso de manhã, mas com o IMA tão alto, deve virar muito forte. A janela de compra deve voltar no meio da semana, se o IMA de entrada subir novamente. Caso o IMA de crash caia e volte a subir, o melhor é não se arriscar e esperar um momento mais adequado que vai aparecer até sexta-feira da semana que vem.

 

Análise IMA