Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

03/01/2011 a 07/01/2011

 

Nessa semana começaram a aparecer alguns relatórios, os primeiros dentre muitos. O relatório do desemprego americano deu o tom da semana. Apesar do desemprego ter caído nos EUA para 9,4% o mercado ainda ficou temeroso. Isso porque o presidente do FED disse que deve levar 4 anos para o crescimento voltar a se estabilizar e o nível de emprego ser consistente.

No Brasil o BC apertou os depósitos em dólares para os bancos. O que passar de 3 bilhões de dólares deverá ter retido 60% no BC. O BC está tentando segurar a queda do dólar sem precisar aumetar a taxa SELIC. Como o mercado já está precificando e como a mídia está em cima, o BC não deve resistir muito e já na próxima reunião deverá subir a SELIC.

O IMA-crash diário continuou a semana na casa dos 0,73, movendo muito pouco para cima com a pequena tentativa de arrancada da bovespa.

IMA crash = 0,73

IMA entrada = 0,00

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

 

Na análise de 03/01/2011 foi dito:"...O nível de 0,5 para o IMA é traiçoeiro pois pode indicar que a bolsa vai recuar novamente como pode ser apenas um estacionamento para arrancar para valores mais altos. Com o ânimo de começo de ano, a bolsa ainda deve subir mais um ou dois dias, mas ainda nessa semana vai recuar forte. O melhor momento seguro de entrada foi na semana passada. Entrar agora na bolsa para curto prazo se tornou arriscado. Quem está fora, deve esperar o próximo recuo para entrar..." A bolsa subiu quarta-feira e quinta-feira para cair na sexta-feira. Como dissemos o nível de 0,5 é traiçoeiro e terminamos a semana como começamos no Ibovespa.

A forte alta do Ibovespa não se sustentou e o IMA-crash errou ao acusar forte queda. A queda foi forte de quinta-feira para sexta-feira, mas praticamente zero em termos da semana. O IMA-entrada apareceu, o que pode indicar que na segunda-feira o Ibovespa poderá continuar a cair, mostrando já um bom momento para ir as compras na segunda-feira à tarde.

 

Ao lado o gráfico mostra o comportamento da ação da Petrobras com o papel PETR4 desde 27 de Dezembro até o dia de hoje, 7 de Janeiro. O IMA-crash anunciou a queda brusca da ação um dia antes do fato ocorrer entre o ano novo e essa semana, com os valores no seu máximo 1,0. Depois apareceu o IMA-entrada mostrando momento de compra, não tão forte. E nessa semana reapareceu forte o IMA-crash de venda da PETR4. Como ainda não apareceu de forma convincente o sinal de entrada para a PETR4, o bom momento deverá ser segunda-feira a tarde. Essa queda reflete a insatisfação dos investidores com a notícia da compra da GALP portuguesa por parte da Petrobrás. É dinheiro que vai sair do caixa, menos dividendo e os investidores não gostam. Se o IMA-entrada aparcer forte na segunda-feira, bons lucros de curto período poderão aparecer na PETR4 para a semana que vem.

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Aumenta o nível de emprego nos EUA.

BC aperta os bancos para conter a queda do dólar.

PETROBRAS tenta comprar GALP portuguesa.

.

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

Inflação na Venezuela é de 27% no ano de 2010.

Portugal cresce apenas 1,4% em 2010.

 

 

 

PRÓXIMA SEMANA

 

dias observação 410

Eventos(sinais de alerta de crash)

37
Acertos 29 (78,3%)
Falsos Alarmes 08 (21,7%)
Queda média -2.24%
Queda máxima -6,6%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,91 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,4 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos