Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

07/10/2013 a 11/10/2013

 

O mês de outubro começou com o acúmulo das greves no Brasil e a "pausa" do funcionalismo público dos EUA. A guerra travada nos EUA entre Obama e o congresso deixou o mundo todo num impasse. As bolsas passaram a semana toda caindo, mas nessa sexta-feira os mercados do mundo reagiram.

Estão todos esperançosos de que semana que vem tudo vai voltar ao normal, com um possível acordo entre Obama e o congresso dos EUA. Após esse impasse tem outro pior, que é o aumento do teto da dívida dos EUA. Essa sim, vai ser uma batalha dura e dificil.

E no meio de toda essa briga, Obama escolheu seu novo chefe do Banco Central, na verdade uma mulher. Janet Yellen será a nova presidente do FED e sua aprovação deverá ocorrer no congresso americano ainda nessa próxima semana. Ela já deu indicativo que não quer mais continuar com os "quantitative easing" criados por Ben Bernanke. Ponto pra ela.

E ponto negativo para o congresso brasileiro (como se isso fosse novidade). Quase sairam no braço numa sessão para aprovação da medida previsória sobre o programa "mais médicos". E quem saiu no braço foram os manifestantes no Rio de Janeiro. Muita gente já não aguenta mais morar na cidade com as rotinas de quebra-quebra. O encanto da "cidade maravilhosa" está se esvaziando. Na verdade, o encanto pelo Brasil está acabando, pelo menos é o que se ouve de maneira geral.

O COPOM (comite de política monetária) se reuniu nessa semana e seguiu a cartilha tradicional, aumentando mais uma vez a taxa de juros básica (SELIC). Agora a taxa básica é de 9,5% ao ano. Coincidência ou não, desde que os juros começaram a aumentar, o número de emprego com carteira assinada começou a diminuir. Em 2012 esse número de empregados com carteira assinada foi a metade do ano de 2011, segundo o UOL.

A boa notícia da semana é que pelo menos a greve dos bancários terminou com aumento de 8% nos salários mais aumento na participação dos lucros. A greve dos carteiros também terminou, mas essa foi por força da justiça.

E também terminou a ambição das empresas do "senhor X". Ele está se desfazendo de suas ações, vendendo ou no mercado, ou para os sócios. A OGX completou 2 meses sem retirar nenhuma gota de petroleo o que complica ainda mais a situação. Também deram conta nessa semana informações de que a OGX estaria demitindo 350 funcionários dos 400 existentes. É o fim.

Quanto vale o twitter? É o que vamos saber no dia 15 de novembro, quando suas ações vão fazer parte do IPO nos EUA. Esperar para ver o quanto os investidores estão com apetite de voltarem a apostar nas "dot com".

Atingimos nessa semana o recorde novamente da entrada acumulada de estrangeiros na bovespa. Nosso monitor de estrangeiros acompanha o balanço acumulado desde 2011 de forma automática em nosso servidor.

O IMA-entrada diário contiua parado em 0,73, do mesmo que a bolsa de valores, que não consegue deixar o patamar de 50 mil pontos há bastante tempo.

 

IMA crash = 0,0

IMA entrada = 0,73

 

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado

ANÁLISE SEMANAL

Na última análise de 04/10/2013 foi dito:" ....Terminamos a semana com os dois sinais de IMA (crash e entrada) zerados. Fica difícil um prognóstico mais afirmativo sobre a semana que vem. Mas se o Shutdown continuar, outros postos de trabalho nos EUA vão fechar. Olhando para o IMA-crash do Dow, se ele estiver correto, semana que vem poderemos ter uma queda bem forte nos EUA. E se tem queda lá, nada resiste aqui..."

E teve queda lá nos EUA e no resto do mundo. Na segunda-feira o Ibovespa começou caindo e fez aparecer rapidamente o IMA-entrada, mas muito fraco. Então o Ibovespa aumentou um pouco, algo em torno de 300 pontos e voltou a cair. Na terça-feira a queda se acentuou, forçando o Ibovespa a chegar abaixo de 52 mil pontos.

Na quarta-feira o Ibovespa começou novamente subindo, mas reverteu a situação. Na quinta-feira o Ibovespa voltou para a casa dos 52.800 pontos e a alta continuou assim na sexta-feira, seguindo para os 53 mil pontos. O que causou a queda? O shutdown nos EUA. O que causou a alta? O possível fim do shutdown, com as conversas entre Obama e os líderes do congresso nos EUA.

Para a semana que vem, o Ibovespa tem boas chances de continuar subindo na segunda-feira. Mas não podemos nos animar, o IMA-crash terminou nessa sexta-feira valendo quase 0,5. Na tabela que faz o alerta em nosso canal de assinantes, existe uma probabilidade de 81% de queda de mais de 2% no Ibovespa para a semana que vem. Isso demonstra o estresse do mercado.

Provavelmente essa "alegria" toda do rally dessa sexta-feira não passe de terça-feira que vem. A partir de terça-feira podemos começar a ter queda mais forte no Ibovespa novamente. Quanto? Vai depender do IMA-crash, se ele aumentar a queda pode ser maior do que 2%.

Para o leitor que está lendo nossos comentários pela primeira vez, pode achar muita pretensão fazer previsão tão séria de crash. Vamos convidar todos a fazer uma visita sobre o que escrevemos em 06/Set/2013 (todas as análises estão na aba ao lado). O gráfico daquela análise estava um pouco antes do máximo do IMA-crash. Escrevi o seguinte naquele dia:

"...O IMA-crash está em seu máximo valor (chegou a 0,98) e começou a cair lentamente. O Ibovespa pode começar a recuar forte na segunda-feira à tarde ou na terça-feira pela manhã. Segunda-feira pela manhã o Ibovespa deve continuar subindo ainda mais um pouco, visto que quem ficou de fora vai querer participar da festa dessa alta.

Não caia nessa tentação se você está fora. Quem comprar na segunda-feira, tem altas chances de perder na semana..."

Não caia nessa tentação, foi o que escrevi na sexta-feira dia 6 de setembro. E o que aconteceu a partir de segunda-feira, dia 9 de setembro? Pode-se verificar na figura a seguir que IMA-crash para Ibovespa acima de 0,8 é sinal de queda muito, muito forte. Então, se o IMA-crash intradiário passar de 0,8, o investidor deve ficar "arisco", pois a probabilidade de acerto na previsão de queda é de 89% (veja tabela ao lado acima).

 

E na segunda-feira, dia 9 de setembro, o Ibovespa não parou mais de cair conforme o IMA nos alertou.

Acompanhe nossos indicativos na parte de assinantes do CANAL IMA-ONLINE. e saiba antes do mercado tradicional o que vai acontecer com suas ações. Venha fazer parte de nosso grupo de assinantes e desfrute de conhecer antes, o comportamento do mercado, através das frequências do IMA.

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Agências de risco acham improvável calote dos EUA

OGX deve devolver áreas de exploração

Vale diz que sobra de capacidade produtiva acontecerá apenas em 2015

Janet Yellen foi escolhida nova chefe do FED

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

PETROBRAS fecha 38 escritórios no exterior

Banco Central sobe taxa SELIC para 9,5% ao ano.

EUA passa mais uma semana em Shutdown

Itaú tem maior lucro entre os bancos privados no 1o. semestre

Desvalorização do cãmbio faz dívidas das empresas subir R$16,4 bilhões

 

PRÓXIMA SEMANA

Reuniões sobre o teto da dívida dos EUA.

Aprovação da nova chefe do FED

Fim das greves no Brasil

dias observação 1097

Eventos(sinais de alerta de crash)

73
Acertos 65 (89%)
Falsos Alarmes 08 (11%)
Queda média -2,58%
Queda máxima -6,73%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,54 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,27 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos