Ibovespa diário- Resultados - 8/2/2010 a 12/02/2010

O Ibovespa diário continua no patamar perigoso apesar de voltar aos 65 mil pontos. É bastante normal quando há mudança de tendência, de retornos às vezes espetaculares mesmo com trajetória em queda. Perigosamente o IMA caiu para 0,79, abaixo do valor crítico de 0,8. Tudo está caminhando para uma pesada queda nos próximos dias.

Uma explicação: Quando o valor do IMA começa a cair, não é sinal de que o perigo passou. Pelo contrário, é sinal de que a tendência está mudando e a queda está começando. Ele pode voltar acima de 0,8? Sim, pode voltar acima de 0,8 se for injetado um grande montante na bolsa e ela começar a subir e testar de volta os 70 mil. Mas se voltar a subir a tensão entre os investidores será ainda maior na próxima realização, levando o Ibovespa a queda maior do que os 4% atingidos nessa quarta-feira passada (acabou fechando em -2,5%). E com maior tensão a bolsa cai. Então o IMA mede o estresse e quando ele começa a cair é sinal de que a pressão vendedora está superior à pressão compradora. Outro ponto importante é que quando o IMA cai, significa que movimentos de baixa frequencia (vendas por um periodo longo de tempo) estarão mais presentes nos negócios.

O IMA pode ficar constante por muito tempo? Sim. Da mesma forma quando atingiu 70 mil pontos o IMA ficou por 20 pregões estacionado em 0,86. Quando fica muito tempo estacionado em determinado valor, indica que as altas frequencias (compras e vendas curtas com pequenos retornos) estão dominando o mercado. Significa que os investidores estão esperando a definição de determinado assunto, relatórios, reuniões ou mesmo estudando quem vai começar a vender primeiro grandes lotes.

É hora de entrar? Para investidores de longo período, não. Para quem deseja trades pequenos, pode sempre obter bons ganhos, mas com risco muito alto.

Bovespa intraday- Resultados - 8/2/2010 a 12/02/2010

Na figura ao lado são apresentados três gráficos onde aparece em linha contínua preta o índice Ibovespa, com dados tomados automaticamente a cada 15 minutos. A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

Conforme comentado no ítem acima, com a grande possibilidade de queda, o ideal são trades rápidos. Se for observada a análise da semana passada, pode-se observar que o IMA de entrada estava quase no máximo de recomendação de compra, ou seja valor 1. Também avisamos que um trade rápido a partir da terça-feira seria uma boa medida para ser realizada. E aconteceu. Quem comprou na terça-feira ou mesmo na quarta-feira vai ter um excelente carnaval. Com toda notícia nervosa sobre Grécia, Espanha e Portugal, quem recomendaria compra para a semana seguinte na sexta-feira passada? Pois o IMA de entrada chegou a valor 1 exatamente na terça-feira indicando o máximo de compra. E então a bovespa começou a subir. O retorno, se fosse seguida a recomendação, seria de espetacular 6,5% na semana. O ibovespa deu retorno de 4,5%.

Passado o carnaval, na quarta-feira o IMA (15 min) de crash mostra que a tensão está grande e tem recomendação forte de venda, tendo chegado ao patamar de 0,79. Até o IMA de 15 minutos retornar a zero pode levar a quarta-feira e a quinta-feira. Somente na sexta-feira, se o IMA de entrada voltar a subir, a compra volta a ficar interessante.

Análise IMA