Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

13/09/2010 a 17/09/2010

Novamente mais uma semana sem grandes acontecimentos tanto positivos quanto negativos. Apenas divulgações de índices que não dizem nem "desdizem" nada. Produção industrial nos EUA cresceu 0,2% no mês passado (isso é zero !). O número de seguro-desemprego caiu nos EUA "inesperadamente" como a maioria dos sites relataram. Não é tão inesperado assim pois a pessoa sai da fila por procurar emprego depois de tanto esperar. Final de ano está chegando com as vendas e as contratações por lá, para serviços temporários, devem aumentar. Isso não é recuperação, o nome correto é sazonalidade, muito previsível. Não será surpresa o índice de desemprego nos EUA até cair um pouquinho.

Na sexta-feira saiu o índice de confiança do consumidor americando e caiu, o que fez as bolsas caírem. Já comentamos esse movimento em nosso texto da primeira página "Sabor dos índices". Esses índices só servem para os grandes fundos manipularem o mercado. A única pressão mais estressante da semana foi o ataque que a moeda japonesa está recebendo. Isso é perigoso e forçou o governo japonês a intervir no mercado de câmbio depois de 14 anos. Um olhar sobre isso na próxima semana é importante.

No Brasil o maior destaque é sobre as empresas "*.X" (OGX, LLX, ETC. ..X). O movimento dessas empresas são bastante "manjados". Quando elas sobem é porque estão literalmente forçando, para depois venderem algo. Semana passada as ações da LLX subiram 8%. E então surgiu boato que estão negociando uma transferência das ações para a MMX. Em dois dias os preços caíram 15%. Já a OGX, que também teve alta expressiva, deu um "alerta" ao mercado que está pensando em se desfazer de parte de seus ativos dos campos de petróleo nas áreas que ganhou no leilão da Petrobrás. Não será novidade nenhuma se a empresa vender tudo para outra empresa sem tirar nenhuma gota de óleo. Essa é a característica das empresas **.X. Só marketing sem fluxo de caixa. Uma atenção especial deve ser dada para as atitudes dessas empresas.

Sem novidades o IMA-crash diário não muda há 3 semanas, sempre no patamar de alerta, em 0,8.

IMA crash = 0,80

IMA entrada = 0,00

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

 

Na análise de 10/09/2010 foi dito:"... E agora? Os dois índices IMA-crash e IMA-entrada estão em zero. Não se pode afirmar nada nem previsão para a semana seguinte. Apenas que como o IMA diário está em 0,8, existe maior probabilidade de queda do que de subida do Ibovespa. Apenas em termos de probabilidade..." O Ibovesa subiu na segunda, depois caiu, depois subiu e então terminou a semana em queda por causa dos índices de estatística da economia americana, chinesa e japonesa divulgados.

Na figura anterior dá para perceber como o IMA novamente acertou, indicando para sair do mercado na terça-feira quando ele atingiu 0,82. O Ibovespa até oscilou mas quano o IMA-crash atingiu zero o Ibovespa tinha realmente recuado. A queda foi de 1,5% que poderia ter evitado perdas em carteira caso alguém tivesse seguido a ordem de alerta. Pode-se perceber que apareceu o sinal IMA-entrada o que deve indicar um bom momento de compra na segunda-feira à tarde. A bolsa deve cair um pouco mais na segunda ou terça, mas deve reverter. Boa possibilidade de lucro se o IMA-entrada passar de 0,8. Talvez isso aconteça na terça-feira ou segunda-feira à tarde.

 

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Bancos Centrais entram em acordo para nova regulação

Bovespa divulga novo controle para vendas acima de 15%. Isso evitará problemas como os do Dow Jones no primeiro semestre

Dólar atingiu patamar de R$1,70

Ata do COPOM revela manutenção da taxa de juros atual por um longo tempo

Pedidos de seguro-desemprego caem nos EUA

Produção industrial nos EUA cresceu 0,2% em agosto.

Pedidos de seguro-desemprego caíram nessa semana nos EUA

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

Estoques no atacado nos EUA subiram 1,3%

LLX perdeu 15% em dois dias

Déficit americando no orçamento foi de 90,5 bilhões em Agosto

EUA pressionam China para mexer no câmbio de sua moeda

Japão sofre ataque em sua moeda

Índice de confiança americano caiu

PRÓXIMA SEMANA

Olhar o comportamento do governo japonês na defesa de sua moeda Iene contra os ataques especulativos.

De olho no FED (EUA). Reunião terça-feira

dias observação 335

Eventos(sinais de alerta de crash)

32
Acertos 25 (78,1%)
Falsos Alarmes 07 (21,9%)
Queda média -2.15%
Queda máxima -6,6%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,89 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,4 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos