Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

14/1/2013 a 18/1/2013

 

Terminada as discussões do "abismo fiscal" nos EUA, agora é a vez da novela "teto de endividamento". Teoricamente o governo dos EUA ainda não atingiram o teto de 16 trilhões de dolares devido à uma maquiagem do secretario do tesouro no apagar das luzes de 2012. Mas na prática a teoria é outra e os caloresos embates dos políticos americanos nem começaram ainda. Obama colocou o time no ataque, com Timothy Geithner (secretário do tesouro) se movimento antes de sua saída. Ben Bernanke (presidente do FED) também foi tomar um "cafézinho" no congresso e dizer que esse assunto é sério.

Algumas redes de televisão americana já começam a fazer suposições se o teto não for aumentado o que poderia acontecer ao mundo. Teoricamente seria um calote do governo dos EUA. Seria como Roma ter que devolver todos os territórios conquistados em apenas um dia. Não somente salários não serão pagos, como rendimentos dos títulos serão paralisados, pagamentos de importação, pagamentos de contas de luz, telefone, aluguéis, enfim, tudo que for do governo dos EUA congela. Dá para advinhar o que aconteceria no mercado financeiro.

Sabendo disso, Cristine Lagarde, presidente do FMI, voltou de suas férias atirando para as câmeras. Medidas mais severas deverão ser tomadas para evitar uma recaída na economia global. Com o mês de janeiro praticamente no fim, os protestos na Europa devem se intensificar.

Na reunião do Banco Central do Brasil, foi unânime a reunião do COPOM em manter a taxa de juros SELIC em 7,25% ao ano. Movimento continua estável em relação à última reunião. Com isso os títulos NTNB-principal continuam ainda atrativo entre os investimentos.

O IMA-entrada diário "mergulhou de vez" em busca do valor zero. As quedas semanais tem sido constantes e fortes. Esse é um indicativo de que investimento de longo prazo na bolsa começa a deixar de ser interessante. Os estrangeiros voltaram forte para o Brasil nas últimas semanas, operando nos últimos dois dias na ponta vendida. Isso fez o Ibovespa parar de crescer e cair dos antigos 63 mil para o campo de 61 mil. Terminou a semana voltando para quase 62 mil pontos. Acompanhe o movimento da entrada dos estrangeiros em nosso monitor de estrangeiros.

IMA crash = 0,0

IMA entrada = 0,48

 

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado

ANÁLISE SEMANAL

Na última análise de 11/01/2013 foi dito:"...Com o IMA-crash intradiário zerado a atenção se volta para o IMA-entrada. Apesar de estacionar em 0,2, ainda não sugere um momento forte de compra...Ter cautela e esperar pela tarde de segunda-feira pode ser uma estratégia de bons lucros na semana...".

Na verdade a melhor entrada foi na terça-feira à tarde, mas também não foi um momento tão bom assim. O Ibovespa ficou a semana toda preso entre 61.400 e 62.000. Com essa faixa tão pequena de oscilação não ocorreram bons momentos para altos retornos, salvaguarda aqueles que operam com alta-frequência ou intradiário agressivos. Para compras e vendas no dia seguinte não foi uma boa semana.

O IMA-entrada zerou, o IMA-crash apareceu e estacionou por um longo tempo na faixa de 0,16. Nesa sexta-feira deu um pequeno salto e estacionou em 0,24, mostrando que o mercado está parado esperando o desfecho do aumento do teto da dívida dos EUA,

Na segunda-feira existe uma pequena chance de correção no Ibovespa com o IMA-crash em 0,22, mas com valores tão baixo estamos na banda de indecisão. Se nenhuma notícia "aparecer" tudo deve ficar na mesma. Na segunda-feira, para piorar o "marasmo" é feriado nos EUA e nenhum dos mercados funciona. Nossa "bovespinha" vai ter que criar seu cenário sozinha.

Quem está fora, melhorar esperar, quem está dentro também. Somente na terça-feira o mercado pode aumentar a velocidade e criar um rumo.

Acompanhe nossos indicativos no CANAL IMA-ONLINE.

 

 

 

 

 

 

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

DELL pretende fechar capital e sair da Bolsa de New York.

BMW começa construção em Sta Catarina.

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

Prazo terminando para os EUA aumentarem o teto de sua dívida.

FMI alerta para possível recaída do mundo financeiro.

 

PRÓXIMA SEMANA

Divulgação de pedido-desemprego nos EUA.

Dados sobre venda de imóveis novos nos EUA.

Discussão sobre teto da dívida dos EUA.

dias observação 915

Eventos(sinais de alerta de crash)

61
Acertos 53 (86,8%)
Falsos Alarmes 08 (13,2%)
Queda média -2,61%
Queda máxima -6,73%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,72 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,27 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos