Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

14/11/2016 a 18/11/2016

 

ANÁLISE SEMANAL - Bovespa DIÁRIO ( dados de fechamento)

IMA crash - DIÁRIO= 0,82

IMA entrada - DIÁRIO= 0,00

 

O IMA-crash diário continuou sua queda nessa semana fraca de movimento na Bovespa por conta do feriado. Do seu ápice de 0,92 o IMA já caiu 10% só nesse mês de novembro.

Se as quedas do IMA-crash diário continuarem, as quedas no Ibovespa vão acelerar.

Para quem está fora do mercado de ações e está pensando em comprar ações para longo prazo, esse não é o momento. Ainda teremos grandes quedas nos próximos meses e incertezas ainda maiores depois da posse do novo presidente dos EUA.

Trump já começa a bater cabeça para montar seu ministério. Ele coloca nas redes sociais o tempo todo como está criando sua equipe. Ele ainda acha que está no reality show "o aprendiz", dizendo que está entrevistando candidatos. Para ele, todos são candidatos, não especialistas como deveriam ser tratados.

E para surpresa, um dos apoiadores de Trump que apareceu em seu edifício em N.York foi o ex-chanceler dos anos 1970, Kissinger.

Ele trabalhou para o presidente Nixon, que foi retirado da presidência por corrupção e envolvimentos em mentiras de estado no caso W. Gate. Começou mal, Trump.

No Brasil, quem acabou mal foram dois pesos antigos da política: Sérgio Cabral e Garotinho.

Presos de peso, agora a batata começa a assar para o PMDB e PR. Políticos envolvidos do PMDB e do PR são bastante ligados a fundos de investimentos no mercado acionário e da área portuária de Campos.

Logo, não vai demorar muito para as coisas piorarem para algumas ações de peso.

E como Cabral é do PMDB, de graça a crise sobe novamente a rampa e bate na porta da presidênciia da república. Como "chefe" do partido, Temer e seus colegas do congresso agora começam a disfarçar e dizer que não tem nada com isso, com as prisões no Rio de Janeiro.

Tanto tem, que estão evitando aparecer na mídia nos dois últimos dias para dar explicações ou mesmo defender os dois ex-governadores presos.

Os mais recentes relatórios das empresas na Bovespa voltam a desapontar, para grandes prejuízos contabilizados no trimestre.

Um dos maiores foi da PDG, de mais de 1 bilhão de reais. Corre o boato que a empresa não aguenta mais, e deverá propor recuperação judicial.

Isso é resultado das vendas de imóveis que sumiram no trimestre, novos lançamentos agora são irrisórios além de arriscados e o mercado imobiliário está abarrotado de edifícios com diversos apartamentos vazios. Mais seis meses, quem tiver dinheiro, poderá comprar apartamentos bem baratos.

A venda de automóveis também despencou no trimestre, junto com a venda de aviões pela EMBRAER. A empresa quase enfrentou outra greve nessa semana, ao propor aumento zero aos salários.

A ameça de parada geral fez a empresa repensar e agora pagará um abono de R$ 4 mil reais mais aumento de 5% nos salários.

Mas no mesmo dia do acordo, a emrpesa conseguiu fechar uma intenção de compra de 24 jatos por parte de United Airlines, no valor de US$ 1 bilhão.

O PIB desaba nas prévias, mais uma vez, logo depois do anúncio de que a inflação também voltou a aumentar nesse mês, em 0,28%.

A única notícia boa internacional foi a grande alta do PIB do Japão, com mais de 2%, levando ânimo nas bolsas asiáticas.

Do dia 4 de novembro até hoje, o investimento estrangeiro vem caindo na Bovespa. A saída e volta para os países com grau de investimento e segurança é uma estratégia a espera de que agora o FED vai aumentar os juros nos EUA. Será? Eles estão apostando nisso há quase dois anos e erraram sempre. Acompanhe nossa medida em nosso monitor de estrangeiros.

 

 

ANÁLISE SEMANAL - Bovespa INTRADIÁRIO ( dados a cada 15 minutos)

A linha vermelha é a análise da Transformada Wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a Transformada Wavelet para o nível de entrada no mercado

 

Em nosso relatório do dia 11/11/2016 escrevemos: "...Provavelmente o melhor momento de compra será na segunda-feira a tarde ou na quarta-feira logo na abertura. O feriado vai fazer o volume diminuir drasticamente na segunda-feira..."

Na segunda-feira, véspera do feriado da proclamação da República, o Ibovespa realmente teve seu menor valor na semana. Abrindo em 59.183 pontos, o Ibovespa caiu ao seu valor mais baixo de 58.322 pontos as 14:30.

Durante o feriado correu um boato de que a OPEP realmente vai cortar a produção de petróleo, fazendo as ações da PETROBRAS dispararem 5% na bolsa de N. York.

Quando o mercado reabriu na quarta-feira, o Ibovespa foi impulsionado pelas ações da petrolífera e chegou a 60.519 pontos.

Na quinta-feira o Ibovespa ficou de lado, nem para mais, nem para menos, encerrando o pregão em 60.551 pontos.

Nessa sexta-feira o Ibovespa abriu em alta chegando a 60 mil pontos. Mas junto com essa alta da semana, o IMA-crsah intradiário que estava em zero reapareceu e atingiu seu valor máximo semanal bem próximo de 0,8 pontos.

Com isso, a alta do Ibovespa cessou e as ações passaram a oscilar, mas sempre com tendência de queda.

Ao final da tarde, quase no fechamento do pregão o Ibovespa voltou a reagir e operar no campo positivo, puxado novamente pela PETROBRAS.

Para a semana que vem, poderemos observar abertura na segunda-feira ainda com algumas quedas visto que o IMA-crash ainda está com valor considerável. Um bom dia de compra, talvez seja no meio da semana que vem, se o IMA-crash cair a zero.

As ações de destaque para o IMA intradiário, estiveram relacionadas com o ponto de compra. O IMA-entrada indicou de forma bastante satisfatória a indicação de compra de diversas ações para nossos clientes.

Quando o IMA-entrada intradiário (linha verde nos gráficos abaixo) apareceu forte para as ações do Banco do Brasil, deu um claro sinal de boa entrada. Assim que o IMA-entrada começou a perder força, as ações BBAS3 subiram 12% no período.

Para a BRFS3 também o IMA-entrada (linha verde) deu um sinal muito bom de compra. Quando começou a cair, as ações dispararam e até nessa sexta-feira o ganho era de 8,75% desde o alerta.

 

BBAS3 X IMA_ENTRADA

ENTRADA= +12 %

BRFS3 X IMA_ENTRADA

ENTRADA= + 8,75%

 

NATU3 X IMA_ENTRADA

ENTRADA= + 7 %

VIVT4 X IMA_ENTRADA

ENTRADA= + 6,24 %

A NATU3 da Natura também foi um belo acerto do IMA-entrada, com ganho de 7% após o IMA-entrada (linha verde) perder força e começar a cair.

As ações da Vivo tiveram um ganho de 6,24% com o IMA-entrada, desde seu alerta.

Em todos os casos é possível reparar que a ação dispara sempre que o IMA-entrada perde força e começa a dar sinais de queda. Essa é a deixa para a compra.

Tem mais alertas para semana que vem. Veja você mesmo!

Acompanhe nossos indicativos na parte de assinantes do CANAL IMA-ONLINE. e saiba antes do mercado tradicional o que vai acontecer com suas ações. Venha fazer parte de nosso grupo de assinantes e desfrute de conhecer antes, o comportamento do mercado, através das frequências do IMA.

Gostou da análise semanal?

COLABORE COM DONATIVO PARA O SITE

(R$ 2,00 ; R$ 5,00 ; R$ 10,00 )

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

PETROBRAS bate novo recorde na produção de petróleo no pré-sal

CESP tem lucro de R$ 80 milhões no trimestre

PIB japonês sobe 2,2% no trimestre na comparação anual

EMBRAER fecha contrato de US$ 1 bilhão com a United Airlines

CSN tentará diminuir o grau de alavancagem com entrada de novos sócios

 

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

ELETROBRAS vai reduzir investimentos em 28%

PDG poderá pedir recuperação judicial

CSN teve mais um trimestre de prejuízo em R$ 106,64

Uma grande explosão na Gerdau de Ouro Branco-MG deixou 3 mortos e 1 ferido.

Natura inicia reestruturação de seu modelo de negócios na França.

PDG tem prejuízo de R$ 1,73 bilhão no trimestre

SARAIVA tem prejuízo de R$ 13,10 milhões

PETROBRAS se desfaz da Liquigás

PETROBRAS renova financiamento com a Caixa Econômica no valor de R$ 3,7 bilhões.

 

 

 

PRÓXIMA SEMANA

Divulgação do IPCA-15 de Novembro

Feriado de ação de graças nos EUA

Relatório das atividades da Indústria no Brasil

Relatório do consumo no Brasil

Relatório do comércio no Brasil

Indice de confiança do consumidor nos EUA

 

dias observação 1783

Eventos(sinais de alerta de crash)

117
Acertos 109 (93%)
Falsos Alarmes 08 (7%)
Queda média -2,90%
Queda máxima -7,77%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,58 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 10 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos