Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

16/08/2010 a 20/08/2010

A semana foi cheia de incertezas no mercado mundial, refletindo na Bovespa. O Japão não só voltou a estagnar com seu PIB crescendo apenas 0,4% depois de cresecer 4% no primeiro trimestre, como oficialmente perdeu seu posto de segunda maior economia mundial para a China. A China nessa semana deu sinais de dimiuição na velocidade de crescimento. No entanto, o que era para ser uma comemoração foi preocupação mundial, pois suas importações diminuíram. E importação diminuindo na China significa que o Brasil exportará menos. O PIB da Europa em geral foi uma lástima.

Próximo de zero na Espanha, Portugal e Grécia e em torno de 1% para a Inglaterra. No entanto a pior notícia veio da taxa de desemprego americana. Aumentaram os pedidos de auxílio desemprego quando todos estimavam decréscimo. Nos EUA 18 estados mostraram decréscimo na taxa de desemprego e 14 aumento na taxa. Sinal de recuperação bastante questionável.

No caso do Ibovespa foi um reflexo da dúvida. Em determinados momentos subia de euforia em outros caía na depressão. Um internauta americano em fórum do Dow Jones perguntava se as bolsas eram "bi-polares". O IMA continua extremamente alto em 0,86 depois da semana passada ter atingido 0,93. Cenário bastante perigoso para investidores de longo prazo.

 

IMA crash = 0,86

IMA entrada = 0,00

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

 

Na análise de 13/08/2010 foi dito:"..Na quarta-feira reapareceu o sinal forte do IMA-entrada. Como afirmamos, na medida que o sinal de crash diário está muito forte, o sinal de entrada para intraday deve ser lido com cautela. Mesmo tendo alcançado valor máximo no IMA-entrada o retorno máximo do ibovespa seria de 1,3%. Muito pouco. ". Nessa semana o Ibovespa subiu com o sinal do IMA-entrada dado na semana passada. Como afirmamos, quando o sinal diário de crash está muito alto, o sinal de entrada deve ser visto com cautela. O Ibobespa, desde que o IMA-entrada intraday apareceu forte, deu um retorno de 1,5%. Em termos de sinal intraday não foi muito. Isso porque do meio da semana em diante houve outra reversão, que foi avisada pelo sinal de IMA-crash como pode ser visto na figura acima. Quando o sinal IMA-crash intraday atingiu 0,67 o Ibovespa virou.

O IMA-crash intraday continua em torno de 0,2 em trajetória descendente, mas ainda não em zero. Significa que o Ibovespa poderá ainda começar na Segunda-feira em baixa e uma possível entrada somente no meio da semana que vem, talvez Terça-feira ou Quarta-feira.

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Número de empregados com carteira aumentou no Brasil em Julho

Inflação americana ficou em torno de 0,2% em Julho.

Vale do Rio Doce é a maior empresa da América Latina

Mais evidências de petróleo na bacia de Campos

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

Aumento de pedido de seguro desemprego nos EUA

18 estados dos EUA diminuíram a taxa de desemprego

14 estados dos EUA aumentaram a taxa de desemprego

Indecisão na capitalização da Petrobrás gera perda de capital

Japão cresce apenas 0,4% no segundo trimestre. Perde o posto de segunda maior economia mundial para a China

PRÓXIMA SEMANA

Terça-feira(24) relatório da venda de casas nos EUA.

Quarta-feira(25) relatório do pedido de bens do Relatório de Comércio(EUA)

Sexta-feira (27/8) discurso de Ben Bernanke, presidente do FED (EUA).

dias observação 326

Eventos(sinais de alerta de crash)

29
Acertos 22 (75,8%)
Falsos Alarmes 07 (24,2%)
Queda média -2.08%
Queda máxima -6,6%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,86 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,4 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos