Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

22/02/2016 a 26/02/2016

 

Mais gente importante na cadeia essa semana. Daqui há pouco os empresários vão doar dinheiro à PF para reformar as celas, com doação de camas mais confortáveis e chuveiros elétricos.

O marqueteiro da campanha da presidente Dilma Roussef e Michel Temer foi preso, junto com sua esposa. Estranhamente eles "não sabiam" que sua conta na Europa tinha US$ 7,5 milhões.

O patrimônio dos dois saiu de R$ 1 milhão nos anos 2000 para valores extratosféricos incalculáveis. E tudo "fruto do trabalho", segundo eles. Seria interessante eles divulgarem algumas videoaulas ensinando como os pobres seres mortais podem atingir os céus em 10 anos.

Brincadeiras à parte, todos nós sabemos como eles conseguiram. O que ainda não sabemos é quem será preso na próxima semana. Além do marqueteiro, a Gerdau está sendo investigada e o alvo é seu presidente.

Será ele o próximo? Uma grande empresa como essa, poderia realmente estar nessa lama? Parece que sim.

Outro fato importante foi a votação sobre a desobrigação da Petrobras de ser a única e exclusiva empresa no pré-sal. É bom, mas também é ruim.

Em tempos como agora, essa decisão é boa, pois permite a empresa fazer caixa e deixar de arcar com novas despezas.

Mas por outro lado pode ser ruim, permitindo que outros países tomem conta da costa do Brasil. Por exemplo, podemos ter centenas de plataformas chinesas. E aí?

Alguém confia na distribuição desse petróleo? Eles já compraram o porto de açu do falido Eike Batista. Estão invesindo no porto para ter uma região de livre desembarque de seus produtos.Essa lei ainda vai dar o que falar.

Para provar que existe algo de podre, com o rebaixamento da Moody's nessa semana, o ministro da Fazenda foi para a China. Está atrás de investidores, o que nos coloca novamente na mão de outro país, depois dos EUA.

E como tem eleição esse ano, muita briga ainda vai aparecer e conturbar o mundo econômico. Em São Paulo o problema é Alckmin. Cada vez mais ditador, mudando e fechando escolas no escuro da noite, impondo restrição na leitura dos B.O das delegacias por 50 anos, cortes escondidos no ensino básico, e por fim, parece que seus secretários "tem fome". A mais recente acusação é que seus secretários desviam verbas da merenda para o próprio bolso.

Com tudo isso, as empresas de S.Paulo que estão capengas, enfrentam restrições de créditos também no exterior. Não somente por isso, é óbvio, mas ... também por isso.

Nos EUA, o assunto também é o mesmo. A eleição por lá vai ser violenta, com o maluco do Trump contra Hillary. E para o mundo estremecer, parece que o bilionário vai jogar toda fortuna para ganhar. E vai sobrar pra nós brasileiros, pois ele detesta os latinos.

Na Europa, a Inglaterra está na batalha para deixar a União Européia. Eles querem ser totalmente independentes. Agora com mais refugiados chegando, os ingleses mais que depressa querem fechar as portas da grande ilha.

O volume de estrangeiros na Bovespa aumentou de forma tímida nessa semana. Mas como os dados são sempre atrasados de alguns dias passados, não dá para saber qual a real consequência do rebaixamento da Moody's.. Acompanhe nossa medida em nosso monitor de estrangeiros.

O IMA-entrada diário ainda continua seu ritmo de queda, estando agora na casa dos 0,84. Isso é um bom sinal de alta de longo prazo para a Bovespa. Se lembrarmos que um mês atrás estávamos com 0,98 ( o máximo é um), essa é uma evolução boa, indicando que poderemos ter uma boa tendência de alta para as ações.

 

IMA crash = 0,00

IMA entrada = 0,84

 

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado

ANÁLISE SEMANAL - Bovespa Intradiário ( dados a cada 15 minutos)

Em nosso relatório do dia 19/02/2016 comentamos e destacamos o IMA-crash para as ações do Bradesco (BBDC4). Com o IMA por volta de 0,5, as ações caíram ainda mais forte.

Dos R$ 20,77 as ações bateram o fundo em R$ 20,04. E o IMA-crash para essa ação ainda continua alto, como pode ser visto na figura à seguir. Isso indica que poderemos ver nova queda na semana que vem.

Comparação BBDC4 x IMA-crash

Para o Ibovespa o IMA-crash teve mais um acerto bom, e também o IMA-entrada, recomendando uma boa compra. Com o boato de que a OPEP junto com a Russia congelariam a produção de petróleo, as ações subiram pelo mundo todo. As ações da Petrobras subiram 16%, levando o Ibovespa numa espetacular alta de 4%.

Terça-feira chegamos ao ápice, mas então a Moody's, que deve estar comprada no mercado futuro no índice "vendido", soltou estratégicamente o relatório especificamente para o Brasil.

Ela rebaixou em três níveis o rating de crédito do Brasil e colocou em perspectiva negativa. Isso significa que a qualquer momento, ela poderá rebaixar novamente.

Terça-feira o Ibovespa estava em 43.494 pontos e depois da Moody's foi para 41.266 pontos na quarta-feira. Mais de 2.000 pontos de queda em um dia, gera um caixa de quanto para quem está na ponta "vendido" no mercado de índices?

Ou será que as pessoas acreditam que uma das empresas que levou o mundo ao calote geral de 2008 é honesta e confiável?

Se observamos a história de quando essas agências soltam relatórios, poderemos ver que é sempre quando a bolsa está em forte alta e se recuperando. Essas empresas além de políticas, operam no mercado futuro. Se não diretamente, por intermédio de seus clientes.

Mas e os pontos, gráficos, tabelas, etc...? Isso vai até um ponto, depois tem a reunião com os representantes dos continentes, "avaliam as condições políticas' e então decretam o seu ato, mesmo que seja contra seus próprios dados.

Para a semana que vem, no entanto, como podemos notar no gráfico do IMA para o Ibovespa, a perspectiva é de alta. O IMA-entrada caiu bastante e apesar de estacionado nos últimos dois dias, ele poderá despencar ainda na segunda-feira. Se isso ocorrer, a segunda-feira na parte da tarde poderemos ter um início de rally, ou no máximo na terça-feira pela manhã.

Outro bom acerto na semana, além da BBDC4 foi para a Natura.

O IMA-crash alertou de uma queda 5 dias atrás. Quando as ações estavam em R$ 28,08 o IMA-crash atingiu 0,8. Isso já era um sinal que a festa tinha terminado. Então o preço caiu para R$ 26,84. Uma forte queda de 4,4%.

Comparação NATU3 x IMA-crash

A RENT3 foi outro belo acerto., com dois fortes alertas corretos do IMA-crash da empresa nos últimos 5 dias, como pode ser visto à seguir.

No primeiro alerta as ações caíram de R$ 23,17 para R$ 21,59. No segundo alerta, que ocorreu de quinta-feira para sexta-feira, as ações caíram de R$ 24,27 para R$ 22,91.

Comparação RENT3 x IMA-crash

Para quem tem ação da BVMF3, a forte queda foi alertada pelo IMA-crash. O gráfico em vermelho mostra que quando o IMA-crash bateu em 0,8, tudo virou para essa ação.

De R$ 11,28 caiu para R$ 10,81. Queda de 4,16%.

Comparação BVMF3 x IMA-crash

Acompanhe nossos indicativos na parte de assinantes do CANAL IMA-ONLINE. e saiba antes do mercado tradicional o que vai acontecer com suas ações. Venha fazer parte de nosso grupo de assinantes e desfrute de conhecer antes, o comportamento do mercado, através das frequências do IMA.

Gostou da análise semanal?

COLABORE COM DONATIVO PARA O SITE

(R$ 2,00 ; R$ 5,00 ; R$ 10,00 )

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Ministro da Fazenda visita a China para captar recursos

Justiça determina bloqueio de R$ 500 milhões da Samarco.

Ações da BTG disparam após rumores de fechamento de capital.

Senado aprova projeto de lei que obrigava Petrobras a ser exclusiva no Pré-Sal.

Banco do Brasil tem lucro de 25.6% em um ano.

GERDAU é investigada na Lavajato

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

Moody's rebaixa nota de crédito do Brasil em 3 níveis.

Arábia Saudita se recusa a congelar produção.

VALE tem prejuízo histórico de R$ 44 bilhões.

 

PRÓXIMA SEMANA

Livro Bege do FED (Banco Central dos EUA)

Produção Industrial de Janeiro no Brasil

Batalha na eleição dos EUA

dias observação 1600

Eventos(sinais de alerta de crash)

104
Acertos 95 (91,3%)
Falsos Alarmes 08 (8,7%)
Queda média -2,83%
Queda máxima -7,77%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,66 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 10 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos