Mudanças Abruptas

Análise Semanal Ibovespa

25/10/2010 a 29/10/2010

Começou a temporada de relatórios tanto nos EUA como no Brasil. As semanas agora vão viver dos comentários dos analistas. Sobe quando uma interpretação é boa, cai quando é ruim. A exceção é no Brasil onde a Vale do Rio Doce anunciou recorde histórico de ganhos e ... a ação caiu no mesmo dia. Claro que já tinha saltado da casa dos R$44,00 para os R$48,00 por motivo nenhum (será?). Deve ser pelo mesmo motivo que a Petrobrás subiu, ou seja, motivo nenhum(?!?). Teve analista indo à imprensa dizer que era uma mera correção técnica pois a Petr4 e Petr3 já tinha caído muito. Claro que não!

O que aconteceu é que não se sabe se foi boato (desmentido hoje pelo presidente da Petrobrás) ou verdade, mas corre a "bocas-pequenas" segundo os diversos jornais (Valor, UOL, etc) que a Petrrobrás encontrou um poço mais que gigante. Seguno o UOL, o desmentido saiu do Presidente da Petrobrás, informamando que não há nada de novo. Para se ter uma idéia se esse boato for verdade, hoje Tupi é estimado em 5 bilhões de barris, e Libra foi anunciado hoje entre 6 bilhões e 16 bilhões de barris de petróleo. Esse novo poço que não se sabe se é verdade ou boato de mercado teria ... mais de 66 bilhões de barris.

Por isso a Petrobrás subiu cerca de 10% na semana e uma de suas opções (PertL28) subiu mais de 270% ! Como um boato desse tamanho foge dos domínios da Petrobrás? Será boato mesmo? O recorde de lucro da Vale divulgado como boato há 4 semanas atrás também era mera "fofoca" do mercado. A própria empresa soltou uma nota dizendo que não havia fato relevante nenhum. Mas no fim se tornou verdade nessa semana? Essas histórias é que transformam nossa bolsa ainda muito pequena diante da grandeza dos pequenos investidores sem chance à essas informações.

Já nos EUA, desânimo completo pelas novas medidas de Obama. Está cada vez mais pressionado pelo povo e com a eleição dos deputados está acuado. No discurso de hoje, onde anunciou o crescimento do PIB em 2%, via-se claramente que nem o próprio presidente está acreditando nas medidas. Os EUA vão dar bônus a quem investir em pequenas empresas, pequenos negócios que gerem poucos empregos. O foco é atingir os pequenos para gerar mais empregos do que dar recursos para as grandes empresas que não estão contratando. Vai ser difícil essa situação.

Na Europa a preocupação com o "trio parada dura" Grécia, Irlanda e Islândia com o aumento de seus débitos já causa desconforto nos ministros dos bancos centrais da zona do Euro.

IMA-crash diário praticamente inalterado, começando a semana com 0,88 e terminando com 0,86. Investidor de longo prazo ainda deve permanecer em cautela absoluta e esperar para entrar.

IMA crash = 0,86

IMA entrada = 0,00

 

A linha vermelha é a análise da transformada wavelet do Ibovespa para o nível de estresse e possível crash (quedas abruptas mas a nível de 15 minutos) e o gráfico em azul é a transformada wavelet para o nível de entrada no mercado.

 

Na análise de 22/10/2010 foi dito:"...O IMA-entrada está muito forte, indicando possível recuperação do Ibovespa, e sobretudo da PETR4. Essa ação chegou hoje a estar com IMA-entrada no ponto máximo 1,0, indicando um excelente ponto de entrada. Ainda há um espaço para entrada boa na segunda-feira com o IMA-entrada marcando 0,9 para a PETR4 e 0,8 para o Ibovespa. Bons lucros devem aparecer na semana que vem. ...". E que lucro, não? Um lucro mais que excessivo para a Petr4. O IMA mostrou um sinal de alerta no limite da perfeição de recomendação na sexta-feira passada em nosso relatório.

Quando o IMA-entrada marcou 0,89 para alerta de virada para cima, o Ibovespa estava em 69.565. Na segunda-feira ainda se manteve em momento de compra para disparar com a Petrobrás. O Ibovespa atingiu 71.210, alta de 2,3% em seu ponto mais alto. E nem precisou de boatos da Petro para o IMA mostrar um forte sinal de entrada.

Em termos de Petrobrás, terminamos o último relatório dizendo que havia um sinal muito forte para entrada. A Petrobrás virou forte a partir de terça-feira pegando muita gente desprevinida, sem saber o porque nos diversos sites de investimentos. Só depois se soube do boato sobre uma possíivel descoberta de um poço gigante com mais de 66 bilhões de barris. Esse boato foi desementido hoje pelo presidente da Petrobrás. Tarde demais. Quem comprou na análise de sexta-feira passada lucrou mais de 10% na semana com essa ação.

Mas isso é "peixe-pequeno", pois uma de suas opções, a PetrL28 subiu mais de 200%. O gráfico acima mostra que agora a Petr4 vai virar para baixo, pois o IMA-crash atingiu 0,81 e está voltando no sentido de zero. Pode ser que a fase de rally tenha terminado (momentâneamente) até o próximo boato. Eles agora não vão parar mais. Já para o Ibovespa, também com o feriado de terça-feira, segunda-feira deve ser dia de muitas realizações. O IMA está em zera-a-zero tanto para entrada quanto para saída, Mas como vai ter reunião do FED nos EUA, pode ser que fortes realizações venham levar as bolsas mundias para baixo.

 

 

FATOS RELEVANTES POSITIVOS

Indice de atividade FILADELFIA medida pelo FED mostrou expansão de 43% em agosto nos EUA.

Os pedidos de seguro desemprego caíram 5% na semana passada nos EUA.

Crescimento anualizado da China ficou em 9,6%.

Vendas de imóveis usados nos EUA aumentaram quase 10%.

Lucro da VALE foi de 250%.

Campo de Tupi vai produzir 75 mil barris mensais em 2011.

Ações da Petrobrás subiram quase 10% na semana.

Bens duráveis nos EUA cresceram 3,3% nos EUA.

 

 

FATOS RELEVANTES NEGATIVOS

CSN registrou lucros menosres do que o esperado. O valor de R$ 720 mulhões foi 40% menor do que no mesmo trimestre de 2009.

Iralnda, Islândia e Grécia continuam com déficits altos e colocam o Banco Central Europeu em alerta.

 

 

PRÓXIMA SEMANA

-Reunião do FED terça-feira.

-Discurso de Ben Bernanke.

-Análise das novas medidas de estímulo de Obama para recuperar os EUA.

 

dias observação 363

Eventos(sinais de alerta de crash)

35
Acertos 28 (80%)
Falsos Alarmes 07 (20%)
Queda média -2.2%
Queda máxima -6,6%
Queda mínima -0,08%
Valorização média nos falsos alertas +1,46%
Valorização máxima nos falsos alarmes +2,3%
Valorização mínima nos falsos alarmes +0,2%
Tempo médio até o mínimo valor após o sinal de alerta 2,87 dias
Tempo máximo até o mínimo valor após o sinal de alerta 7,4 dias
Tempo mínimo até o mínimo valor após o sinal de alerta 30 minutos